As maiores decepções da minha vida


Cindy obrigada por existir

Cindy obrigada por existir

…..Ao longo da minha vida de 29 anos alguns episódios realmente me marcaram, e tiveram grande importância nos traços da minha personalidade , e eu digo e repito escolas são depósitos de deliquentes e psicopatas, é de lá que vem a maioria dos traumas que eu carrego até hoje. por sorte desde pequena eu tenho uma luz divina interior que mesmo com 10 anos de idade eu já percebia a incoerencia humana por parte das outras crianças, antes fosse só incoerencia infantil, quando parte dos professores ai as coisas ficam preocupantes de fato, vou contar pra todos vcs as experiências desagradaveis que vivenciei nesse periodo;

Eu estava no Fernão Dias Paes( uma escola bem tradicional aqui em oslo) estava no ensino fundamental , e eu já tinha minhas veias artisticas desde dessa época, resolvi agradar a professora e dei o meu desenho pra ela na maior inocencia, foi só eu virar as costas que ela jogou no lixo, eu não vi ela jogando,mas no final da aula quando estava saindo eu vi meu desenho na lixeira , ou seja se eu fosse uma pessoa fraca teria cometido suicidio com 5 anos de idade, ou essa professora super legal poderia ter sufocado todo o meu talento para as artes, i´m sorry professora mas vc não conseguiu;

agora eu estou com 10 anos na 4 serie B e em outra escola, ( a que eu estudei a vida inteira até eu começar a andar com a turma dos maconheiros) um belo dia eu resolvi ir com uns brincos gigantes da minha mãe e um batom vermelho, é natural pois sou leonina e quando pequena ficava na casa das minhas primas vendo revistas de moda e ouvindo cindy lauper e duran duran enfim. eis que surge um ser na minha frente , uma menina que andava com os meninos sempre, sabe aquelas meninas que se dão bem nos esportes ? começou a me ofender e me chamar de baiana ( nada contra os baianos mas foi assim que ela me chamou) e eu comecei a chorar e tirei os brincos da minha mãe, como se não bastasse tudo isso ela ficou gritando no fundo da sala que eu tava chorando , ou seja vergonha sem fim, queria sair correndo , o que não foi possivel; essa foi uma das primeiras experiencias desagradaveis com relação aos meus figurinos, uma vez eu amarrei um cadarço no cabelo e sempre tem uma menina babaca pra falar o que vc já sabe, com o tempo eu cresci e comecei a perceber que essas meninas eram toscas demais e nunca entederiam;

eu queria ser paquita e como eu não era loira isso foi uma frustação muito grande hoje em dia eu percebo o quanto a xuxa é ridicula ,e como eu pude um dia querer ir embora com ela naquela nave??!!

claro que a lista de decpções é extensa, tem muita coisa que eu poderia contar; eu odiava ir pra escola desde muito cedo, pra mim eu só teria participado das aulas de educação artistica, não to falando isso pra mostrar como eu sou artista e bla bla, mas era um dos momentos mais felizes da minha vida, hoje eu percebo que quando você é criança e acontece essas coisas com você refletem tudo no seu futuro, aquela frase que diz: não faça com o proximo o que vc não quer pra você , faz todo o sentido. em qualquer ocasião. depois desses anos escolares, eu tenho que viver alguns momentos que me fazem recordar dessas pessoas do passado escolar, e eu penso que a vida é uma grande escola cheia de babacas metido a valentões , meninas chatas reparando em tudo que você faz,professores insensiveis que jogam seus desenhos simbólicos no lixo… mas a vida tem dessas, os idiotas sempre aparecem disfarçados pra te mostrar que a escola continua.

a cindy é tão fofa , uma vez vi um programa de tv e ela estava mostrando seu jardim cuidando das plantinhas com o cabelo azul e com um vestido kimono !

Anúncios
Published in: on dezembro 11, 2009 at 1:29 pm  Comments (3)  
Tags:

The URI to TrackBack this entry is: https://soulstripperr.wordpress.com/2009/12/11/as-maiores-decepcoes-da-minha-vida/trackback/

RSS feed for comments on this post.

3 ComentáriosDeixe um comentário

  1. Um beijo pra vc, cat! AF

  2. ai robs, a escola continua! mas o bom é quando a gente pode fugir para o pátio, ou quando ficava em casa para assistir a sessão da tarde [que infelizmente não é a mesma de hoje]
    sempre odiei escola e minhas faltas sempre foram no limite.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: